Português / English

mala voadora

DOIS POR DOIS

DOIS POR DOIS

DOIS POR DOIS é o programa de residências artísticas internacionais da mala voadora com o apoio do Pelouro da Cultura da Câmara Municipal do Porto. Chama-se DOIS POR DOIS porque este programa utiliza os dois estúdios da mala voadora para receber dois artistas ou curadores – um oriundo das artes performativas e outro de uma área artística diferente. Todos os anos, são convidadas três organizações para colaborar na seleção de artistas/curadores potencialmente interessados nesta oportunidade de residência. Em 2017 e 2018, estabelecemos parcerias com o Alkantara (PT), o Forest Fringe (UK) e o Hablar en Arte (ES).  Em 2017, recebemos, entre 16 de agosto e 16 de outubro, o escritor, performer e live artist Greg Wohead.



 

Ver mais
HAPPY TOGETHER

HAPPY TOGETHER

HAPPY TOGETHER é um programa da mala voadora que relaciona produção artística e produção de discurso crítico. A expressão “happy together”, retirada do filme de Wong Kar-Wai, pode ser lida como uma definição de política no seu sentido original: um conjunto de princípios e de práticas que visam um determinado tipo de organização social, que se julga melhor do que outros – que se julga mais próximo de nos permitir viver felizes juntos. HAPPY TOGETHER associa a participação da mala voadora na programação do Fórum do Futuro (na edição de 2015 convidámos Santiago Cirugeda, em 2016, Samuel Fosso e Teddy Goitom, e este ano, convidámos Les Knight e Koert van Meensvoort) a um call for art para a produção de obras, entre as artes visuais e as artes performativas, a instalar ou apresentar na mala voadora.



Ver mais
SHOWBUSINESS

SHOWBUSINESS

SHOWBUSINESS foi concebido pela mala voadora para o programa PARTIS – Práticas Artísticas para a Intervenção Social, da Fundação Calouste Gulbenkian. Juntamos dois parceiros sociais – A Escola de Comércio do Porto e a A3S, especializada em empreendedorismo social e avaliação – para construirmos, juntos, um programa artístico que acompanhasse uma turma do ensino profissional, do 10º ao 12º ano. Ao longo de 3 anos de trabalho, esse programa artístico serviria para testar, por um lado, as possibilidades da linguagem específica das artes como forma de ampliar os horizontes e as capacidades daquele grupo de jovens particularmente vulnerável; por outro, deveria confrontar-nos com as nossas próprias dúvidas acerca do papel que a arte pode desempenhar no meio de tão complexos e persistentes problemas sociais.

 

Ver mais
UMA FAMÍLIA INGLESA

UMA FAMÍLIA INGLESA

UMA FAMÍLIA INGLESA é um programa artístico concebido pela mala voadora, ini que traz ao Porto uma selecção das mais interessantes propostas de teatro e performance produzidas actualmente no Reino Unido. Combina a apresentação de espectáculos com a organização de encontros, conversas com artistas, publicação, leituras, residências artísticas, ciclos de cinema e workshops. Pode dizer-se de UMA FAMÍLIA INGLESA que tem como único denominador comum a apresentação de artistas britânicos que, no seu trabalho, testam a própria natureza da experiência teatral. Após as edições de 2015, 2016 e 2017 - numa edição monoparental com a apresentação de um único espetáculo, “Triple Threat”de Lucy McCormick -, regressamos em 2018 para dar continuidade ao alargamento deste mapa britânico de artistas dentro da mala voadora.



Ver mais
VITÓRIA 283

VITÓRIA 283

VITÓRIA 283 foi o primeiro projeto concebido pela mala voadora para o programa PARTIS – Práticas Artísticas para a Intervenção Social, da Fundação Calouste Gulbenkian. VITÓRIA 283 foi um projeto artístico de intervenção social, desenvolvido em parceria com um centro social e uma empresa social, que teve como destinatários um grupo de 35 crianças e jovens da Vitória – uma freguesia da zona histórica da cidade do Porto. Pretendeu constituir-se como uma oportunidade de envolvimento do grupo num processo artístico de qualidade e estruturado – que fosse simultaneamente disruptor da sua mundividência e intrinsecamente ligado à cultura, local e realidade onde viviam.



Ver mais