Português / English

mala voadora

Oslo – fuck them all

Oslo – fuck them all and everything will be wonderful é sobre "tudo" o que não retrata: a relação entre uma mãe, de cuidados obsessivos, e a sua filha, cujo estado é enigmático. Ambas vivem numa casa, longe da cidade, visitada por várias pessoas, uma amiga da família e quatro homens com funções distintas. Todos tentam satisfazer as vontades da casa. O espectáculo é sobre o que escapa ao retrato: uma tentativa de viver sem a perda.

Depois de Boris Yeltsin, co-produzido pelo Colectivo 84, Cão Danado e pelo São Luiz Teatro Municipal (2012), apresentado no Teatro Nacional São João e no Teatro Académico de Gil Vicente, Oslo – fuck them all and everything will be wonderful é o segundo projecto de parceria entre o dramaturgo Mickael de Oliveira e o encenador Nuno M Cardoso, em regime de cocriação. Oslo é uma reescrita de O que é teu entregou aos mortais, texto que venceu o prémio Nova Dramaturgia Maria Matos 2006.

Co-criação Mickael de Oliveira e Nuno M Cardoso . Texto Mickael de Oliveira . Interpretação Albano Jerónimo, Mónica Calle, Raquel Castro . Cenografia José Capela . Luz Rui Monteiro . Produção executiva Stage One . Co-produção Colectivo 84, Cão Danado . Apoio DGArtes . Apoio nas residências artísticas mala voadora, Companhia Olga Roriz

Agenda

mala voadora.porto . 3-7 fevereiro e 7-11 março 2014 . residência Oslo – fuck them all de Mickael de Oliveira e Nuno M. Cardoso, culminado com um ensaio aberto